Minha foto

Poeta nascido no Rio de Janeiro. Considerado um dos poetas brasileiros mais representativos da década de 2000 na antologia Roteiro da Poesia Brasileira (Global, 2009), é autor de vários livros publicados gratuitamente em seu blog, cujos melhores poemas foram reunidos em Corte (Ibis Libris, 2004) e rio raso (Patuá, 2014). Mantém o bem sucedido site “A Magia da Poesia”, que teve mais de um milhão de acessos em 2012, onde divulga a obra de grandes poetas. Seus poemas já foram selecionados para livros escolares, traduzidos para o russo e publicados em diversas revistas literárias.  (saiba +)

20/09/2017

da casa que já trazemos conosco

tudo o que não for
o conforto da água
que já trazemos conosco
é fosco

perda de tempo
o que não for
o silêncio da flor
sem mágoa

14/09/2017

estupefato

em sonho
procurei por vida e deus
nas sementes que plantei

encontrei saída
nas flores amarelas em jardins não meus
e cães que acariciei

10/09/2017

risível

a arte de não construir nada quando tudo é perecível
arde não construir nada quando tudo é perecível
mas é possível

02/09/2017

bauman dado

o problema não é o tinder, é buscar fora (temer). triste ver outros budistas usando. tropeçamos na rua olhando a tela do celular. CFA escreveu: "o caminho é in, não out". começamos buscando alguém parecido com a scarlett johansson com um doutorado psi sobre nietzsche e tartovksy. terminamos achando ok alguém fora dos padrões de beleza que escreve "ata". uma luta cada passo, joguinho de desinteresse obrigatório e mesmo assim o papo não dura: whatsapp, jantar, beijo, sexo, casamento, ter filho... nada segura. nada seguro. se durar, perde a graça, pode ter alguém melhor no tinder. desinstalei.

01/09/2017

do seguir

os armenos seguem
os índios seguem
todos os maltratados seguem, seguiram e seguirão
sem temer

28/08/2017

difícil

míssil no céu do japão
meu apartamento vazio
frio que não cabe na mão

26/08/2017

geme, meme

Entraremos para a História como a geração de selfies que deixou Temer acabar com o coletivo.

sexta-feira: eu já sabia

me arrasto pro cerne da noite vazia
procurar fora o que há dentro
(e eu já sabia)

24/08/2017

horizontes

A vida é só um sonho mais longo. A aparente solidez da vida se dá pela ilusão de continuidade do sonho. Por isso tentamos estabilizar tudo, por isso tudo mora na beira do quase e seguimos investindo no total que nunca alcançamos. Horizontes. Mas até mesmo o longo sonho da vida acaba. Olhando mais alto, por cima do tempo, além do tempo, além da visão dos olhos, qual investimento vale a pena? Apenas tentar tirar outros seres do sonho. Despertar para despertar outros.

23/08/2017

antes de tudo

(Para Selton Mello)


era difícil chamar pro cinema
tenso tocar a mão no cinema
delicioso beijar a boca no cinema

hoje temos o tinder
duas semanas (no máximo) de conversa
e não vamos ao cinema


(inspirado em O melhor filme da minha vida)